Header Ads

Cineclube Opiniões exibe “O Lobo Atrás da Porta” na sessão do dia 12


Uma rosa é macia, suave, cheirosa e tem espinhos. A protagonista Rosa do premiado longa-metragem brasileiro “O Lobo Atrás da Porta” – com roteiro e direção de Fernando Coimbra, com lançamento no ano de 2013 – também tem todas essas características. E os seus espinhos agem diante da rejeição de um amor não correspondido.

            O diretor teve a ideia do drama que flerta com suspense quando ainda estava na faculdade de cinema, em 1998. A história que lhe deu impulso é baseada na tragédia pessoal de Neide, uma carioca acusada de sequestrar e matar a filha de 4 anos de um homem com quem se envolvera, caso familiar ocorrido no Rio de Janeiro na década de 1960.

No filme, o desaparecimento da criança Clara (Isabelle Ribas) faz com que seus pais Bernardo (Milhem Cortaz) e Sylvia (Fabiula Nascimento) vão à delegacia. O caso fica a cargo do delegado (Juliano Cazarré), que resolve interrogá-los separadamente. Logo descobre-se que Bernardo mantinha uma amante, Rosa (Leandra Leal), que é levada à delegacia para averiguações. A partir de depoimentos do trio, o delegado descobre uma rede de mentiras, amor, vingança e ciúmes.

            Mesmo que não haja julgamentos sobre a atitude de Rosa do ponto de vista da direção na condução da história, também não há qualquer punição para a violência sofrida pela protagonista quando Bernardo descobre que ela está grávida e a faz abortar. E essa questão pontual será um dos temas debatidos na próxima sessão do Cineclube Opiniões, no dia 12/10, às 19 horas, no Cine Recreio. De graça, na Gameleira, na beira do rio!

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.